Alternativas ao leite de vaca: conheça as melhores opções

Todos nós já ouvimos dizer que o leite de vaca é um alimento completo e indispensável à nossa dieta. Por ser nutritivo, ajuda a evitar o surgimento de algumas doenças, entre elas, a osteoporose – enfermidade associada à deficiência de cálcio, substância encontrada em abundância no leite.

Ademais, o leite ajuda no crescimento dos músculos, atua na regulação da flora intestinal, melhora o funcionamento do sistema nervoso, entre outros benefícios reconhecidos há décadas pela medicina.

Todavia, o consumo diário do leite de vaca tem sido cada vez mais questionado por vários especialistas, sendo-lhe apontados uma série de efeitos adversos associados à dificuldade que o nosso organismo apresenta em digerir as suas proteínas. Entre esses efeitos, o mais conhecido é a intolerância à lactose, distúrbio do metabolismo que causa dor abdominal, diarreia, flatulência, náusea, vómito, gases, entre outros.

Em casos mais severos, a intolerância à lactose pode causar perda de peso, desidratação e atrasos no crescimento infantil. Ou seja, para muitas pessoas, o leite de vaca, ao contrário do que se pensa, pode representar o mal, e não o remédio.

E qual a razão disso acontecer? O leite de vaca é ideal para os animais da sua espécie, tal e qual o leite materno é o mais apropriado para os bebés. Ao contrário dos bezerros, que possuem todas as condições necessárias para o aproveitamento do leite da vaca, os humanos não contam com a quantidade de enzimas suficientes para quebrar as proteínas dos laticínios – o que possibilitaria a correta absorção pelo organismo.

Portanto, seja por intolerância à lactose, por uma escolha vegana, de saúde ou até mesmo por uma questão de diversificação alimentar, deseja reduzir ou evitar o consumo, vai certamente gostar de conhecer as melhores alternativas ao leite de vaca. Descubra tudo neste artigo!

Melhores alternativas ao leite de vaca

Quando se trata de leite, são muitas as opções. Nas prateleiras dos supermercados poderá encontrar diferentes opções, que, com certeza, vão responder às suas necessidades nutricionais e, não menos importante, ao seu paladar. Conheça agora algumas das alternativas ao leite de vaca:

1. Leite de coco

Rico em nutrientes essenciais, o leite de coco é muito utilizado para fins medicinais, alimentícios e agroindustriais. Por conter bons índices de gordura saturada boa, ajuda a melhorar o colesterol e possui um efeito contra vírus e bactérias. Ademais, apresenta uma pequena quantidade de vitamina C, cálcio, magnésio, fósforo, zinco, proteína e uma boa quantidade de potássio, ferro e ácido láurico, substâncias que promovem o fortalecimento do sistema imunitário, ajudam a diminuir os riscos de anemia, promovem a saúde da pele e dos cabelos, entre outros benefícios. Certamente uma das melhores alternativas ao leite de vaca disponíveis no mercado.

2. Leite de aveia

Bebida vegetal sem lactose, soja e frutos secos, o leite de aveia está entre as melhores alternativas ao leite de vaca. Fonte de nutrientes importantes e necessários para o funcionamento adequado do organismo humano, entre eles hidratos de carbono, fibras, proteínas, cálcio, fósforo, ferro, entre outros, o leite de aveia ajuda no controlo da diabetes, alivia a prisão de ventre e facilita a digestão, promove a perda de peso e ajuda a baixar o colesterol. Ademais, é rico em fitomelatonina, molécula conhecida por ser moduladora biológica do ciclo circadiano, humor, sono, temperatura corporal, atividade locomotora, consumo alimentar, comportamento sexual, sistema imunitário, entre outras questões.

3. Leite de soja

Muitas pessoas têm incluído o leite de soja na sua dieta por inúmeros motivos: seja pela rica tabela nutricional, pelas suas propriedades, pela adoção ao veganismo ou mesmo pelo seu índice calórico. Facto é que a bebida está entre as melhores alternativas ao leite de vaca, pois não contém lactose e é enriquecida de vitaminas e minerais, como cálcio e vitamina D. Entre os seus principais benefícios estão a redução dos níveis de colesterol, regulação do intestino, melhoria dos sintomas da menopausa, prevenção à osteoporose e promoção da perda de peso.

4. Leite de arroz

O leite de arroz é ideal para os alérgicos à proteína do leite ou para quem tem intolerância à lactose. O seu sabor neutro e agradável combina com café, cacau em pó e frutas, por isso pode ser facilmente incluída no pequeno almoço ou no lanche. Excelente fonte de vitaminas do complexo B, A e D, que ajudam a manter o sistema nervoso, a pele e a saúde da visão, o leite de arroz também ajuda a reduzir o colesterol, promove a perda de peso, entre outros benefícios. Todavia, por ser rico em hidratos de carbono, o seu consumo é desaconselhado para pessoas diabéticas.

5. Leite de castanha

Alimento pouco divulgado, porém, com valores nutricionais riquíssimos, o leite de castanha é mais uma das alternativas ao leite de vaca que tem de conhecer. Por ser rica em selénio, a castanha é uma ótima aliada na prevenção de várias doenças como cancro e cirrose, além de auxiliar no combate aos radicais livres. Ademais, não há gordura saturada neste tipo de leite, que é rico em ácidos gordos – ou os famosos ómegas -, que ajudam a prevenir doenças cardíacas e a hipertensão.

6. Leite de amêndoas

Um dos leites vegetais mais consumidos devido à sua textura e sabor, o leite de amêndoas é certamente uma das melhores alternativas ao leite. Isento de laticínios, é a opção ideal para veganos, bem como para pessoas com alergia a lácteos ou intolerância à lactose. É rico em potássio, vitamina D, vitamina E, cálcio, fibra, hidratos de carbono, entre outros nutrientes que ajudam a controlar os níveis de açúcar no sangue, colaboram para digestão, auxiliam a regulação intestinal, melhoram a saúde cardiovascular, entre outros benefícios.

7. Leite de quinoa

O leite de quinoa é considerado o melhor entre os leites vegetais, por isso é recomendado por vários nutricionistas para crianças e adultos intolerantes ou alérgicas ao leite animal. O seu valor nutricional é o que mais surpreende, pois conta com 18% de proteína, valor bem acima da proteína encontrada em outros cereais e a presença do aminoácido essencial lisina e metionina. Ademais, é pobre em gordura, rico em ferro, fibras, fósforo, cálcio e isento de glúten. Os seus principais benefícios são o aumento da saciedade, o que ajuda no processo de emagrecimento, melhoria do funcionamento do intestino e redução do colesterol alto. Certamente uma das melhores alternativas ao leite de vaca.

Lembre-se: ao renunciar ao consumo do leite de vaca, seja por qualquer razão, não deixe de procurar novas fontes de cálcio e vitamina D. Por isso, consulte um nutricionista, profissional capacitado para lhe indicar quais as melhores alternativas ao leite de vaca. Cuide-se!

Luana Castro Alves

Licenciada em Letras e Pedagogia, redatora e revisora, entusiasta do universo da literatura, sempre à procura das palavras. "Não se pode escrever nada com indiferença." (Simone de Beauvoir)