Aspirador robot: vantagens, desvantagens e como escolher

Os aspiradores robots estão cada vez mais presentes nas residências, especialmente pelo facto de serem muito práticos na hora de fazer a limpeza, funcionando de forma automática, poupando tempo e dando pouco ou nenhum trabalho.

Se você não tem o seu, mas pretende adquirir um para a sua casa ou escritório, acompanhe neste artigo os principais pontos positivos e negativos dos aspiradores robots e também algumas dicas do que levar em consideração ao escolher o seu aparelho.

O que é um aspirador robot?

Um aspirador robot nada mais é que um aspirador tal e qual como aquele que temos habitualmente em casa. A grande diferença deste modelo reside no facto de, ao contrário dos aspiradores convencionais, funcionar de forma automática, não sendo necessária intervenção humana para cumprir a sua função, aspirar.

O aspirador robot é particularmente útil pelo facto de economizar o seu tempo, permitindo que enquanto está em funcionamento (a aspirar), execute outras atividades.

Genericamente, o que um aspirador robot faz é rastrear a divisão onde se encontra, traçando rotas para encontrar e remover a sujidade do chão, alcançando lugares que, muitas vezes, escapam à vassoura.

Como funciona o aspirador robot?

O processo de remover a sujidade do chão de um aspirador robot funciona de uma forma muito semelhante à de um aspirador convencional. As escovas de sucção sugam os resíduos que vão encontrando pelo caminho e colocam-nos num compartimento interno que depois deve ser retirado e esvaziado.

O facto de tornarem a limpeza da casa mais fácil (uma tarefa habitualmente muito chata) fez com que se tenham tornando equipamentos bastante populares, sendo hoje comercializados em diferentes modelos e por várias marcas. Isto acaba por gerar alguma confusão e dúvidas aos consumidores, particularmente chegada a hora de decidir qual modelo comprar.

Quais as vantagens dos aspiradores robots?

Como já referido, um das principais vantagens do aspirador robot é a sua tecnologia que permite otimizar a limpeza da casa sem que para isso tenha de estar a manusear o aparelho. Basta liga-lo e ele faz essa tarefa por si.

No entanto, existem outras vantagens dos aspirador robots, nomeadamente:

  • Design compacto – O tamanho menor dos aspiradores robots faz com que estes passem por baixo dos móveis e cheguem a zonas das divisões que habitualmente não aspiramos por não serem propriamente acessíveis;
  • Sensores – Os aspiradores robots têm sensores para se desviarem de objetos e obstáculos, como pés de mesas e cadeiras ou paredes. Estes sensores permitam também detetar se os objetos ou obstáculos são leves ou pesados (se são suscetíveis de ser empurrados ou não – exemplo: cortinas);
  • Programação – A tecnologia incorporada nos aspiradores robots permite que os utilizadores programem o aparelho para funcionar em dias e horários específicos. Ou seja, não é preciso estar fisicamente presente para ligar o aparelho no momento da limpeza. Ideal para quem tem uma rotina mais agitada ou mesmo para quem não quer ter esse tipo de preocupação no dia a dia. Alguns modelos de aspiradores robots retornam sozinhos à “base” para serem recarregados.
  • Mapeamento – É uma função dos aparelhos mais modernos, mas muito útil, pois possibilita que os aspiradores robots criem uma espécie de planta da casa e das suas divisões, o que facilita a movimentação do aparelho e torna a limpeza mais eficiente, dado que passam automaticamente a definir os melhores “caminhos” a serem percorridos.

Quias as desvantagens dos aspiradores robots?

Apesar de todos os benefícios do aspirador robot, previamente mencionados, há também alguns pontos negativos que não podemos deixar de referir, nomeadamente:

  • Irregularidades – Dependendo do modelo, uma característica dos aspiradores robots que pode ser um problema é que nos ambientes muito espaçosos e sem obstáculos a limpeza pode não ser tão regular, já que o aparelho fica a percorrer a divisão sem muita precisão. Uma dica para áreas mais extensas é deixar as portas fechadas, pois isso facilita a ação dos aspiradores.
  • Obstáculos – Apesar dos sensores que ajudarem a desviar-se dos obstáculos, estes podem ser um problema quando em excesso ou quando estão muito próximos, tornando a limpeza menos minuciosa. O mesmo vale para alguns tapetes, principalmente os mais grossos, pois os aspiradores robots podem não conseguir subir ou, mesmo subindo, podem não conseguir limpar corretamente, já que são feitos para funcionar em superfícies planas.
  • Valor – Sendo um aparelho moderno, tecnológico e com tantas funcionalidades, é de se imaginar que o preço de aspiradores robots seja alto. Os valores variam dependendo do tipo de aparelho, sendo os mais básicos naturalmente mais baratos e os mais completos e com mais recursos – que são efetivamente os que mais valem a pena – mais caros, podendo custar mais de 1000€. Embora com um bom custo-benefício, é importante pesquisar bem para não se arrepender do investimento.

Como escolher um aspirador robot?

Além de conhecer os pontos fortes e fracos, há ainda alguns pontos que devem ser levados em consideração ao escolher um aspirador robot, como:

  1. Tamanho: a altura deve ser medida para saber se o aspirador robot consegue passar pode debaixo dos móveis da casa.
  2. Potência: o poder de sucção define se o aparelho consegue aspirar sujidade e resíduos mais pesados ou se, pelo contrário, só os mais leves.
  3. Armazenamento do lixo: os aspiradores robots têm um compartimento onde armazenam a sujidade que vão recolhendo. Quanto maior, mais tempo irá levar até encher, necessitando de uma limpeza menos frequente.
  4. Ruído: em geral os aspiradores robots não são muito barulhentos, mas, dependendo do ambiente onde serão usados, é melhor optar por um modelo mais silencioso.
  5. Duração da bateria: a duração é outro fator muito importante, pois determina por quanto tempo o aspirador robot poderá funcionar sem precisar ser recarregado. Como referimos, alguns modelos fazem-no de forma automática, retornando “à base” ao ficar sem bateria.
  6. Automação: como já referimos, alguns modelos de aspirador robot permitem definir o dia e a hora para o aparelho que o aparelho comece a funcionar de forma automática.

Outro ponto importante é que os aspiradores robots auxiliam na manutenção da limpeza da casa, mas não são por si só suficientes. Não obstante, trata-se de um aparelho útil para o dia a dia, já que remove o pó acumulado e outros resíduos simples, como pelos de animais e resíduos de comida que podem cair no chão.

A redação do trabalhador.pt