Azia: o que é, causas, sintomas e tratamento?

Todos já sofremos de azia, afinal de contas, quem é que nunca sentiu uma sensação de acidez na zona peito depois de ter exagerado na comida?

Mas não se preocupe, não se trata de nada grave. A azia, também conhecida por refluxo gastroesofágico, é algo relativamente comum e não está relacionada com patologias graves.

Os sintomas da azia podem ser desconfortáveis e, por vezes, surgem em momentos inconvenientes, embora, de maneira geral, possam sempre ser tratados de forma rápida e eficaz com a ajuda de antiácidos.

Quer saber mais sobre as causas da azia, como a evitar e como a tratar? Redigimos o presente artigo onde damos resposta a estas e outras questões. Boa leitura!

O que é azia?

A azia consiste numa sensação de acidez que surge no trajeto entre o esófago e o estômago, caracterizando-se por um gosto ácido na boca e uma dor, de leve a moderada, na garganta. Em alguns casos, poderá também haver tosse e dores no peito.

Quando ingerimos alimentos ou bebidas, estes percorrem nosso esófago e chegam até o nosso estômago. No ponto de encontro destes dois órgãos há uma faixa de músculo, uma espécie de válvula chamada esfíncter. Esta válvula abre e fecha à medida que o alimenta entra no estômago.

Quando este músculo fica desequilibrado (relaxa em excesso ou fica enfraquecido) o ácido gástrico pode voltar ao esófago. É justamente este ácido que causa a desconfortável sensação de queimação e azia.

Quais os sintomas da azia?

Não obstante possam surgir outros sintomas da azia, os mais comuns são:

  • Acidez na boca;
  • Tosse;
  • Dor de garganta;
  • Dor no centro do peito;
  • Dificuldade em engolir;
  • Arrotos;
  • Rouquidão;
  • Enjoos;
  • Perda de peso;
  • Azia noturna;
  • Sintomas de refluxo que interferem e prejudicam o sono.

A sensação de acidez (azia) costuma surgir após as duas primeiras horas da refeição. Caso sinta alguns dos sintomas descritos duas a três vezes por semana, sobretudo sem causa aparente, é importante consultar o seu médico.

Quais as causas da azia?

A azia é um problema bastante comum, trata-se do excesso de sucos gástricos no estômago. Além disso, a azia é um dos sintomas do refluxo gastroesofágico.

O refluxo gastroesofágico caracteriza-se pelo mau funcionamento do esfíncter esofágico inferior (EEI), que funciona como uma espécie de válvula que impede o “bolo alimentar” que está no estômago retorne para o esófago.

O diagnóstico do refluxo é determinado por uma endoscopia, podendo, em alguns casos, ser seguida de biópsia da mucosa do esófago. Caso não seja tratado, o refluxo pode causar outras doenças, como ulcerações, dismotricidade esofágica, estenose do esófago, pneumonia, bronquite e asma.

Existem outras causas que podem estar associadas ao surgimento da azia, entre elas destacamos:

  • O tabagismo;
  • O excesso de peso corporal;
  • Em alguns casos, a gestação;
  • O consumo de alimentos gordurosos e/ou processados;
  • A ingestão exagerada de bebidas gasosas (refrigerantes, por exemplo).

Como evitar a azia?

Como já referimos, sofrer de azia é desconfortável e inconveniente, no entanto, com algumas alterações na dieta e no estilo de vida é possível prevenir este problema. Em seguida, partilhamos algumas dicas que poderão auxiliar no evitar a azia:

  • Evitar beber durante as refeições, dado que os líquidos ingeridos durante a refeição podem distender o estômago;
  • Evitar comer antes de dormir (alimentos pesados e com alto teor energético);
  • Evitar o tabagismo, uma vez que a nicotina estimula o refluxo;
  • Optar por alimentos naturais, frutas, verduras e legumes;
  • Evitar o excesso de alimentos gordurosos;
  • Evitar o consumo exagerado de comida;
  • Fazer pequenas refeições e frequentes;
  • Evitar dormir de barriga para baixo. Se possível, use uma almofada demasiado alta.

Como aliviar a azia?

Os sinais da azia surgem quase sempre depois das refeições, por isso é importante controlar a quantidade e o tipo de alimentos que ingere. A ingestão bebidas alcoólicas e alimentos processados, por exemplo, devem ser evitados, uma vez que retardam o esvaziamento gástrico.

Em seguida, partilhamos algumas receitas caseiras que poderão ajudar a aliviar os sintomas da azia de forma pontual:

1. Sumo alcalino da batata

Um ótimo remédio natural para acabar com os sintomas da azia é beber um copo de sumo alcalino da batata todos os dias durante a manhã. Este alimento ajuda no processo de neutralização da acidez do estômago.

2. Água com limão

Beber um copo de água com sumo de um limão 20 minutos antes do pequeno almoço (em jejum) auxilia no equilíbrio dos níveis de acidez presentes no estômago. Apesar do limão ser azedo, diminui a acidez, reduzindo o desconforto em pouco tempo.

3. Bicarbonato de sódio

Dilua uma colher de bicarbonato de sódio num copo de água (200ml) e beba a mistura ao aparecer os primeiros sinais da azia. O bicarbonato tem efeito alcalinizante, diminuindo a inflamação do esófago e amenizando os sintomas da azia.

4. Sumo de pera

Além de deliciosa e rica em vitaminas A, B e C, a pera ajuda no combate à acidez do estômago, ajudando no processo digestivo. Beba um copo de sumo natural de pera ao perceber os sinais da azia.

5. Banana

A banana é uma das frutas que pode aliviar os sintomas da azia. Este alimento ajuda no equilíbrio do pH do estômago, sendo considerada um ótimo antiácido natural.

6. Chá de gengibre

Não é de hoje que o gengibre é um poderosíssimo antioxidante natural. Além disso, o chá de gengibre auxilia na diminuição das contrações do estômago, reduzindo a sensação de azia. Beba aproximadamente 20 minutos antes das refeições.

7. Chá de espinheira-santa

Esta planta possui propriedades digestivas que auxiliam a digestão dos alimentos.  Para o alívio dos sintomas da azia, recomenda-se beber o chá duas a três vezes ao dia.

Diagnóstico e tratamento da azia

É importante prestar atenção à frequência dos sinais da azia e procurar ajuda médica para o diagnostico adequado. Os antiácidos estomacais são medicamentos recomendados para aliviar os sintomas da azia. Estes são compostos por sais de carbonato de cálcio, magnésio, alumínio e outras substâncias combinadas.

O efeito deste medicamento manifesta-se pouco tempo após a sua administração, devido ao poder de neutralização do ácido clorídrico gástrico presente no estômago.

Esperamos que este artigo o tenha ajudado a compreender um pouco melhor a azia!

A redação do trabalhador.pt