Como deixar de ressonar? Dicas para se livrar desse distúrbio

Nada melhor do que uma boa noite de sono para relaxar e recompor as energias, não é mesmo? Deitar a cabeça na almofada e dormir pode ser algo bastante simples para a maioria das pessoas, mas infelizmente algumas não conseguem desfrutar deste momento que, em tese, deveria ser prazeroso. E isto pode acontecer, entre outras, por duas razões: dormem ao lado de alguém que ressona ou elas mesmas ressonam. Haja paciência para lidar com esta situação tão desagradável e barulhenta!

A verdade é que todos nós já ressonámos uma vez (ou várias vezes) na vida. O problema pode ser esporádico – quando decorrente do cansaço ou de uma ressaca -, ou recorrente, podendo provocar sérios transtornos para a saúde daquele que ressona, bem como para a vida do casal.

Se quer saber como deixar de ressonar, continue a leitura deste artigo que preparamos especialmente para si. Nele encontrará informações sobre este distúrbio, as suas causas e, principalmente, dicas de ouro para eliminar esse incómodo da sua vida e voltar a ter noites de sono bem dormidas. Boa leitura!

Qual a razão de ressonarmos?

O ressonar é um distúrbio que acontece devido à dificuldade na passagem de ar pelas vias aéreas durante o sono. Além disso, a condição pode causar outro problema mais grave, conhecido como apneia do sono, caracterizado por curtos períodos (de alguns segundos ou minutos), durante os quais a pessoa fica sem respirar.

E qual a razão desta dificuldade na passagem do ar? Bom, geralmente a origem do problema está no estreitamento das vias respiratórias e da faringe, por onde passa o ar, ou ainda pelo relaxamento dos músculos desta região. Esta última causa está relacionada com sono profundo, provocado pelo uso de medicamentos para dormir ou pelo consumo de bebidas alcoólicas.

Para deixar de ressonar poderá praticar alguns exercícios capazes de fortalecer a musculatura das vias áreas, os quais abordaremos neste artigo. Além disso, é fundamental que adote hábitos de vida mais saudáveis, como controlar o peso corporal, praticar atividades físicas e evitar o uso de medicamentos para dormir.

Quais as principais causas do ressonar?

O ressonar acontece durante o sono por causa do relaxamento dos músculos da garganta e da língua, que ficam posicionados um pouco mais para trás, dificultando assim a passagem do ar. Algumas pessoas são mais suscetíveis ao desenvolvimento deste distúrbio, principalmente aquelas que apresentam alterações anatómicas que ocasionam o estreitamento da passagem do ar, como:

  • Flacidez dos músculos da garganta;
  • Obstrução nasal causada pelo excesso de muco ou catarro;
  • Rinite crónica, que é a inflamação da mucosa nasal;
  • Sinusite que é a inflamação dos seios nasais;
  • Pólipos nasais;
  • Glândulas adenoides e amígdalas aumentadas;
  • Queixo retraído.

Exercícios para deixar de ressonar

Existem exercícios que são capazes de fortalecer a musculatura das vias aéreas e ajudar a diminuir a frequência e a intensidade do ressonar. Todos eles devem ser realizados de boca fechada, concentrando na língua e no céu da boca e evitando movimentos do queixo e demais partes do rosto. Conheça:

  1. Empurre a língua contra o céu da boca (palato) e deslize-a para trás o máximo possível. Repita o exercício 20 vezes;
  2. Sugue a ponta da língua e pressione-a contra o céu da boca (palato), como se ela estivesse grudada. Conte cinco segundos e repita a ação 20 vezes;
  3. Abaixe a parte de trás da língua, contraindo também a garganta e a úvula 20 vezes;
  4. Coloque um dedo entre os dentes e a bochecha e empurre o dedo com a bochecha até que ele encoste nos dentes, mantendo contraído por 5 segundos. Alterne os lados;
  5. Com as bochechas contraídas, encha um balão de aniversário. Ao puxar o ar, encha a barriga, e ao soprar o ar, sinta contrair a musculatura da garganta.

Os exercícios acima devem ser feitos diariamente, pois com o treino conseguirá executá-los da maneira correta. Caso sinta dificuldade, procure a ajuda de um fonoaudiólogo, profissional especializado que o ajudará a praticar os exercícios de forma adequada.

Como deixar de ressonar naturalmente?

Existem vários fatores capazes de influenciar o surgimento do ressonar. Entre eles, estão anormalidades na formação da cavidade nasal e nasofaringe, desvio de septo, rinite, idade avançada, ingestão de álcool e o aumento de peso.

Todavia, deixar de ressonar é possível, basta que a causa do problema seja identificada. Geralmente isso acontece através de um exame chamado polissonografia, também conhecido como “exame do sono”. Este mede a atividade respiratória, a intensidade do ressonar e se há interrupções durante a noite. Identificada a causa, o médico recomendará ao paciente que altere algumas atitudes diárias a fim de deixar de ressonar naturalmente.

Entre os principais hábitos que deverá adotar estão:

  • Praticar atividades físicas: se deseja deixar de ressonar, então precisa de começar a realizar atividades físicas regulares. Exercícios aeróbicos aumentam o condicionamento do sistema respiratório, ajudando a diminuir o ressonar;
  • Controlar o peso corporal: para deixar de ressonar é fundamental investir numa alimentação saudável e equilibrada. Isto porque o excesso de gordura corporal, que se tende a acumular em regiões como os músculos da língua e parede da traqueia, dificulta a respiração e agrava o ressonar. Portanto, mude os seus hábitos alimentares e tenha uma noite de sono mais tranquila;
  • Reduzir o consumo de bebidas alcoólicas: consumir bebidas alcoólicas com frequência intensifica o relaxamento muscular na garganta e língua. O resultado disso é que o ressonar poderá passar a um distúrbio regular na sua vida;
  • Procurar orientação médica: antes de procurar saber como deixar de ressonar, é essencial que procure um médico para que este o oriente de maneira adequada. O distúrbio pode estar associado a doenças mais graves, sobretudo àquelas que afetam o coração, por exemplo. Desta forma, é indispensável o acompanhamento médico no tratamento do ressonar;
  • Cuidado com a apneia do sono: entre as causas possíveis do ressonar está a apneia do sono, doença que faz com que a pessoa acorde várias vezes durante a noite. Além do ressonar, existem outros sintomas que poderão indicam a existência do problema, como o cansaço excessivo, falta de concentração, sonolência diurna e dor de cabeça ao despertar;
  • Dormir de lado: este cuidado aparentemente simples faz toda a diferença para quem quer saber como deixar de ressonar. Opte por dormir sempre de lado, com o corpo alinhado horizontalmente. Lembre-se: dormir de barriga para cima favorece a obstrução das vias aéreas, permitindo o colapso da musculatura da faringe e a queda da língua em direção à garganta.

Que especialidade médica procurar?

Existem várias especialidades que podem tratar os distúrbios do sono e ajudá-lo a deixar de ressonar. Geralmente, o diagnóstico inicial é feito por um clínico geral, responsável por encaminhar o paciente para um especialista de acordo com os sintomas identificados.

Dependendo dos sintomas, poderá ser encaminhado para um neurologista, pneumologista, médico do sono, otorrinolaringologista e até mesmo um dentista. Estes profissionais indicarão o tratamento mais adequado, o que evitará maiores transtornos para quem sofre com a condição.

Importante: os distúrbios do sono devem ser tratados com seriedade. A falta de um sono reparador pode causar sintomas desagradáveis, como esquecimento, dor de cabeça e irritação. Além disso, pode ser o responsável pelo surgimento de doenças graves, como diabetes e hipertensão arterial, sendo um fator de risco para o Acidente Vascular Cerebral (AVC) ou infarto. Por isso, não negligencie sua saúde. Cuide-se!

Luana Castro Alves

Graduada em Letras e Pedagogia, redatora e revisora, entusiasta do universo da literatura, sempre à procura das palavras. "Não se pode escrever nada com indiferença." (Simone de Beauvoir)