Copo menstrual: o que é, como usar e quais as vantagens?

Todos os meses as mulheres precisam lidar com o ciclo menstrual que, durante alguns dias, provoca sangramento. Nesse período, é preciso proteger-se para que o sangue não verta e não manche a roupa ou gere situações desconfortáveis. Para isso, de modo geral, os pensos higiénicos foram sempre a escolha mais prática e mais comum.

Todavia, com o tempo, foram surgindo novas alternativas, sendo uma delas o copo menstrual. Embora possa causar alguma estranheza inicial, a verdade é que é um métodoque vem sendo utilizado por cada vez mais mulheres. Uma das suas principais vantagens é tratar-se de um produto único, lavável e reutilizável, ao contrário dos pensos higiénicos – cuja quantidade usada pode ultrapassar as dezenas de unidades por ciclo menstrual.

Ou seja, o uso do copo menstrual é uma solução mais ecológica e não representa danos ao meio ambiente, evitando a acumulação de lixo gerado com o uso dos pensos higiénicos. Há também outros pontos positivos.

Neste artigo, procuramos abordar algumas das perguntas mais frequentes sobre os copos menstruais, nomeadamente o que são, como se usam e quais as suas principais vantagens. Confira!

O que é um copo menstrual?

Regra geral, o copo menstrual não causa desconforto

O copo menstrual, também conhecido como coletor menstrual, trata-se de um “copinho” feito de silicone medicinal (ou de materiais similares), hipoalergénico e sem substâncias químicas.

O copo menstrual é inserido na entrada da vagina durante o período de sangramento, podendo lá ficar por um período máximo de 12 horas, de forma a coletar o sangue e evitar o seu derramamento.

Como se molda ao corpo, o copo menstrual não costuma provocar nenhum desconforto e nem maus cheiros, ao contrário dos pensos higiénicos, que tendem a ser bastante incomodativos durante o uso.

Como usar o copo menstrual?

Nos primeiros tempos o copo menstrual pode causar algumas dificuldades de adaptação

Embora algumas mulheres possam ter dificuldades iniciais de adaptação, o que é natural e expetável, regra geral, em pouco tempo o uso de copos menstruais torna prático e simples.

Um dos pontos mais importantes prende-se com a forma como deve colocar o copo menstrual, o que é feito de forma muito rápida. Neste âmbito, referir que a generalidade dos copos menstruais, vendidos em farmácias, por exemplo, incluem um manual de instruções, que deve ser lido antes de usar. No entanto, a sua utilização é bastante simples, bastando seguir os seguintes passos:

  1. Dobrar o copo, que é bastante flexível;
  2. Aproximar da entrada da vagina na posição horizontal;
  3. Inserir até que esteja totalmente dentro da vagina.

O copo menstrual funciona por pressão e, ao ser inserido, irá criar vácuo fazendo com que se fixe. Porém, caso sinta que não este não está devidamente fixo, o que pode ser comum no início, a dica é colocar um absorvente externo.

Para retirar o copo menstrual o processo é igualmente simples e deve ser feito preferencialmente durante o banho, na sanita ou no bidé, para que o sangue possa ser imediatamente descartado.

É só segurar pela base, apertar levemente para facilitar a entrada de ar e puxar. Depois é preciso lavar com água e detergente neutro antes de voltar a usar.

Quais as vantagens do copo menstrual?

O grande benefício do copo menstrual é o facto de ser uma alternativa mais “ecológica”

Especialmente quando comparado com os pensos higiénicos, que são a solução mais comum, o copo menstrual apresenta diversas vantagens, designadamente por ser:

  • Mais ecológico: uma das principais, como já referido, é o facto dos copos menstruais ser reutilizável, o que, em última instância, gera menos lixo.
  • Maior armazenamento: o copo menstrual consegue coletar até três vezes mais quantidade de sangue que um penso higiénico.
  • Menos trocas: devido à sua maior capacidade de armazenamento, não é preciso trocar com muita frequência, podendo ser usados em continuidade até 12 horas, dependendo do volume do fluxo menstrual.
  • Mais conforto: quando há uma boa adaptação, o tempo de proteção e o conforto são maiores.
  • Menos alergias: o uso dos pensos higiénicos, devido ao abafamento da região ou ao contato com a pele, pode desencadear alergias, o que não acontece com o copo menstrual, que é atóxico.

Perguntas frequentes sobre o copo menstrual

Ainda existem muitas dúvidas quantos aos copos menstruais

Mesmo com inúmeras vantagens e com um número crescente de adeptas, o copo menstrual ainda suscita muitas dúvidas. Em seguida, procuramos esclarecer algumas das mais frequentes:

Existem diferentes tamanhos?

Sim, o tamanho do copo menstrual vai variar em função da elasticidade da vagina, que tende a diminuir com o passar do tempo ou com a gestação. Quanto maior for a tonicidade, menor poderá ser o copo. A generalidade das marcas de copos menstruais disponibilizam informações relativamente aos tamanhos, facilitando a escolha.

Funciona para quem tem um fluxo menstrual intenso?

Sim. A intensidade do fluxo menstrual não interfere no uso, nem tampouco na dimensão do copo. Em abono da verdade, a intensidade do fluxo menstrual apenas deverá afetar a frequência com que o copo menstrual deverá ser retirado e lavado.

Pode ser usado por quem não iniciou a vida sexual?

Sim. A utilização de copos menstruais não está dependente de ter (ou não) iniciado a vida sexual, visto não atingir o hímen. De qualquer forma, quem ainda não iniciou a vida sexual, poderá sentir um maior desconforto. Por isso, recomenda-se que antes de avançar para a sua utilização consulte o ginecologista.

É preciso retirar para urinar ou evacuar?

Não. O copo menstrual fica firme quando é bem colocado e não atrapalha em nada no dia a dia, nem mesmo na hora de ir à casa de banho, seja para urinar ou mesmo para evacuar.

Posso praticar desporto durante a sua utilização?

Sim. Os copos menstruais adaptam-se ao corpo, não impossibilitando a prática de atividades físicas. Não obstante, dependendo da atividade física em questão, poderá sentir algum desconforto.

Posso dormir com o copo menstrual?

Sim. Como já referido o copo menstrual pode ficar entre 8 a 12 horas no corpo, portanto não há problemas em passar a noite a utilizá-lo. Não obstante, é importante não descurar a sua higienização frequente.

Como higienizar o copo menstrual?

O material do qual o copo menstrual é feito é fácil de limpar. Basta ser lavado com água e detergente neutro entre uma troca e outra. Chegando o ciclo menstrual ao fim, a recomendação é ferver o copo durante 5 minutos e guardar até ao próximo ciclo menstrual.

Quanto tempo dura um copo menstrual?

Regra geral, um copo menstrual pode durar entre 5 a 10 anos. Dependendo do uso e dos cuidados, poderá precisar de ser trocado a cada três anos. O importante é certificar-se se está em bom estado, sem alteração na cor ou na textura.

Qual o preço de um copo menstrual?

Quando comparado com o valor dos pensos higiénicos, o preço dos copos menstruais pode parecer alto. No entanto, é importante pensar a médio prazo, já que um único copo poderá ser usado por um período longo de tempo, enquanto os os pensos higiénicos precisam ser comprados em grandes quantidades todos os meses. O preço de um copo menstrual ronda os 20€ a 30€.

Onde comprar um copo menstrual?

Há opções de diferentes marcas que podem ser facilmente encontradas em farmácias ou mesmo em várias lojas na internet.

Apesar de ser um produto muito usado, com bastantes benefícios, a verdade é que nem todas as mulheres se adaptam bem ao copo menstrual. No entanto, se está à procura de uma alternativa ao pensos higiénicos não deixe de o considerar como uma possível alternativa. O mais importante é encontrar o que a faz sentir bem!

Mariana Bueno

Brasileira, jornalista e escritora. Desde criança tem os livros como os seus grandes companheiros e, mais tarde, transformou a escrita em profissão. É formada em Comunicação e pós-graduada em Media Digitais. Gosta de transmitir informações por meio dos seus textos e adora ouvir e contar boas histórias, de preferência as que descobre ao viajar por diferentes lugares.