Países que falam a língua portuguesa: descubra quais são

Países que fala a língua portuguesa

Talvez não saiba, mas existem, no mundo, 9 países que falam português, contando com Portugal, é claro. Dentre todos, depois do nosso país, o Brasil é certamente o mais conhecido – no entanto, a nossa língua também pode ser encontrada em outros continentes, para além da Europa e América do Sul.

Isso deve-se ao facto de que Portugal colonizou 53 países, situados, inclusive, na Ásia e na África. Alguns, por terem sido muito influenciados pela nossa cultura e por terem adotado a língua portuguesa como idioma oficial, são reconhecidos como integrantes da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Ou seja, o nosso maior património cultural imaterial resiste nos mais diversos cantos do globo!

Ficou interessado neste assunto e quer conhecer um pouco mais sobre os países que falam língua portuguesa? Então continue a leitura deste artigo e descubra como o nosso idioma conseguiu ultrapassar barreiras e consagrar-se com um dos mais falados do mundo.

A língua portuguesa pelo mundo

A língua portuguesa é, hoje, a quinta mais falada no mundo: somos mais de 260 milhões de falantes, um número bastante expressivo e que mostra a força de um dos símbolos da nossa identidade cultural. Também conhecida como língua românicas ou língua neolatina, a sua origem remonta ao galego-português falado na Idade Média, inicialmente em Galiza, Comunidade Autônoma Espanhola e em Portugal.

Atualmente, de acordo com a Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), são nove os países que têm a língua como idioma oficial: Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné-Equatorial, Moçambique, Portugal, Timor-Leste e São Tomé e Príncipe.

PaísContinentePopulação
AngolaÁfrica33 milhões
BrasilAmérica213 milhões
Cabo VerdeÁfrica556 mil
Guiné-BissauÁfrica2 milhões
Guiné-EquatorialÁfrica1,4 milhões
MoçambiqueÁfrica31 milhões
PortugalEuropa10 milhões
São Tomé e PríncipeÁfrica219 mil
Timor-LesteÁfrica1,3 milhões

Conheça um pouco mais sobre cada um deles:

1. Portugal

A língua oficial da República Portuguesa é o português, adotado em 1290 por decreto do rei D. Dinis. Iniciou a segunda fase do seu processo de diferenciação das outras línguas românicas depois da queda do Império Romano, durante a época das invasões bárbaras no século V, quando surgiram as primeiras alterações fonéticas documentadas que se refletiram no léxico.

Atualmente, Portugal tem mais de 10 milhões de falantes da língua portuguesa, no entanto, são ainda reconhecidas e protegidas oficialmente a língua gestual portuguesa e a língua mirandesa (mirandês), protegida oficialmente no concelho de Miranda do Douro e ensinada como língua facultativa nas escolas da região.

2. Brasil

É no Brasil que encontramos o maior número de pessoas que falam a língua portuguesa, cerca de 205 milhões de falantes, número que impressiona, sobretudo quando comparado aos 10 milhões de falantes em Portugal.

Ademais, mais de oito em cada 10 pessoas que falam português no mundo atualmente são brasileiros, ou seja, é no país sul-americano, o único do continente a ter o português como idioma oficial, que o vernáculo encontra expressiva adesão.

3. Angola

Dentre todos os países africanos (sobre os quais falaremos adiante) Angola é aquele onde a percentagem de falantes da língua portuguesa como primeira língua é a maior: cerca de 71,15 % dos quase 35,03 milhões de habitantes falam o idioma. Colonizado por Portugal, é, portanto, o segundo país com maior número de pessoas lusófonas no mundo, perdendo apenas para o Brasil.

Além do português, existem outras línguas que possuem o estatuto de língua nacional, como o umbundo, segunda língua étnica mais falada,  constituindo cerca de 37% da população.

4. Moçambique

A língua portuguesa é o único idioma oficial da República de Moçambique, porém, é falada, essencialmente, como segunda língua por boa parte da sua população. Importante referir que apenas 40% dos moçambicanos falam português, e só 3% têm no português sua língua materna. Na generalidade, a maioria da população fala línguas do grupo bantu.

A língua materna mais falada é o macua (26,3%); em segundo lugar está o xichangana (11,4%) e em terceiro, o lomé (7,9%).

5. Guiné-Bissau

A Guiné-Bissau faz parte dos países onde o português é língua oficial, no entanto, como ocorre em outros países africanos, possui várias outras línguas que convivem com a idioma de origem europeia.

Atualmente, menos de 15% dos guineenses falam português, principalmente como segunda língua, e o espaço geográfico do país em que a lusofonia prevalece corresponde à zona central e comercial da capital, Bissau.

Cerca de 90,4% da população fala kriol, uma língua crioula baseada no português e que é efetivamente a língua nacional de comunicação. O restante fala uma variedade de línguas africanas nativas das suas diferentes etnias.

6. Guiné-Equatorial

Apesar de a Guiné Equatorial ter decretado a língua francesa e, mais recentemente, a língua portuguesa como línguas oficiais, elas não são faladas no território desta nação localizada na África Central.

O país tem como projeto, a ser impulsionado pela CPLP, difundir o ensino da língua portuguesa para formação profissional e acolhimento de seus estudantes pelos países da comunidade lusófona. Foi aceite como membro de pleno direito da comunidade em 2022, após terem sido considerando suficientes os progressos na introdução do português no país.

7. Cabo Verde

Localizado num arquipélago no Oceano Atlântico, próximo à costa africana, Cabo Verde é mais um país a ter a língua portuguesa como idioma oficial, utilizada em toda a documentação oficial e administrativa.

No entanto, são também faladas outras línguas também, entre elas o crioulo cabo-verdiano (que pleiteia o reconhecimento como segunda língua oficial), o francês e o inglês, sendo estas últimas lecionadas no ensino secundário.

8. São Tomé e Príncipe

Em São Tomé e Príncipe, país insular localizado no Golfo da Guiné, na costa equatorial ocidental da África Central, o português é a língua oficial e de facto nacional, pois é falada por cerca de 98,4% da população do país, uma parte significativa dela como sua língua materna.

Ademais, variantes reestruturadas de português ou crioulos portugueses são também faladas, como o forro, o crioulo cabo-verdiano, o angolar e o lunguié. O francês e inglês são línguas estrangeiras lecionadas nas escolas.

9. Timor-Leste

Um dos países mais jovens do mundo, a República Democrática de Timor-Leste ocupa a parte oriental da ilha de Timor, no Sudeste Asiático, além do exclave de Oe-Cusse Ambeno, na costa norte da parte ocidental de Timor, da ilha de Ataúro, a norte, e do ilhéu de Jaco, ao largo da ponta leste da ilha.

De acordo com a Constituição do país, o tétum e o português têm o estatuto de línguas oficiais, no entanto, existem mais de 31 línguas nacionais em Timor-Leste, como o ataurense, baiqueno, becais, búnaque, fataluco, dentre outros dialetos.

Luana Castro Alves

Licenciada em Letras e Pedagogia, redatora e revisora, entusiasta do universo da literatura, sempre à procura das palavras. "Não se pode escrever nada com indiferença." (Simone de Beauvoir)