Mosca da fruta: descubra como acabar com esta praga

Não raras vezes, deparamo-nos com moscas muito pequenas que ficam em volta da fruta. A “mosca da fruta”, como é habitualmente conhecida, parece multiplicar-se como uma praga, deixando uma sensação de sujidade na cozinha.

Regra geral, a mosca da fruta surge junta da fruteira, dado ser lá que está a fruta madura, particularmente em laranjas, tangerinas, uvas, pêssegos, maçãs, figos e ameixas. Quando picam a fruta, mesmo tratando-se de uma “picada” muito pequena, é habitual surgirem pequenas larvas (que se alimentam da fruta), levando ao apodrecimento da fruta.

Neste artigo, abordamos algumas das questões mais comuns relativamente à mosca da fruta, designadamente como prevenir o seu aparecimento e como a eliminar quando aparece.

Qual a origem da mosca da fruta?

Embora a mosca da fruta tenha a sua origem na África Ocidental, é comum em muitos lugares do mundo, especialmente naqueles onde as temperaturas são mais altas. É por esta razão que a presença desta mosca em redor das frutas acontece, mais frequentemente,durante o verão ou primavera.

A mosca da fruta é encarada por muitos como um “problema”, em parte pela sua capacidade reprodutora, pois cada fêmea põe cerca de 500 ovos de cada vez, o que faz com que o número cresça em proporções muito altas, mesmo que com um período curto de vida.

E, mesmo depois de eliminar a mosca da fruta da sua cozinha, é possível que ainda fiquem alguns ovos nas frutas ou na própria fruteira, o que faz com que rapidamente surjam novas moscas. É por isso importante ter atenção e adotar alguns cuidados para que não se torne um problema.

Descubra tudo neste artigo!

Como eliminar a mosca da fruta?

Em seguida, partilhamos algumas “dicas” de ingredientes (que terá certamente em casa) que podem ser usados para eliminar a mosca da fruta, funcionando como se de inseticidas naturais se tratassem.

Para usar na cozinha

  • Vinagre de cidra: coloque um pouco de vinagre numa garrafa. Em seguida, cubra-a com um plástico, certificando-se que fique bem isolada, podendo para isso usar um elástico ou fita adesiva. Depois, faça um pequeno furo no plástico com um palito e coloque a garrafa ao lado da fruteira. Esta dica funciona como uma espécie de armadilha, já que o odor da mistura irá atrair a mosca, fazendo com que entre na garrafa e não consiga mais sair.
  • Vinagre e detergente: coloque algumas gotas de detergente numa chavéna com um pouco de vinagre. Em seguida, coloque a chavéna lado da fruteira (ou do local onde estão as moscas da fruta). Esta é mais uma possibilidade de “armadilha” para atrair a mosca pelo cheiro.
  • Vinagre, açúcar e detergente: muito semelhante à anterior, mas com o acréscimo de 2 colheres de sopa de açúcar. Depois de colocar os três ingredientes, mexa até fazer um pouco de espuma. Depois disso, basta colocar a chavéna perto do local onde as moscas da fruta costumam aparecer. À partida, serão atraídas pelo açúcar, ficando presas na espuma.
  • Leite, açúcar e pimenta: é uma mistura mais pastosa e não tão simples como as anteriores, mas igualmente eficaz. Coloque os ingredientes na proporção de 50 gramas de pimenta e 120 gramas de açúcar para 1 litro de leite e leve ao fogo por cerca de 15 minutos. Depois, basta despejar num prato e deixar perto da fruteira para atrair as moscas, que, ao se aproximarem, irão ficar presas como se estivessem em areias movediças.
  • Cravo e limão: é muito fácil de fazer, bastando cortar um limão ao meio, colocar alguns cravos da índia espetados e espalhar pela cozinha. Além de espantar as moscas da fruta, espanta também qualquer outro tipo de mosquito que estiver na divisão.
  • Vinho: depois de consumir todo o vinho da garrafa (evite o desperdício alimentar!) e restar apenas um pouco no fundo da garrafa, não a deite fora! Mantenha a garrafa aberta e coloque-a próximo à fruteira. As moscas vão entrar, atraídas pelo cheiro da bebida, mas não conseguirão sair.

Para usar no pomar

Se tem alguma árvore frutífera no quintal de casa ou numa grande plantação, também é possível criar uma armadilha para a mosca da fruta:

  1. Prepare uma mistura que contenha uma parte de água para três partes de uma das frutas maduras. Pegue numa garrafa plástica grande (preferencialmente de 2 litros) e faça três furos de 2 centímetros ao longo do comprimento.
  2. Depois, coloque a mistura (pelo menos, 500 ml) na garrafa plástica e pendure-a próxima das árvores. A mistura deverá ser trocada semanalmente.

Esta dica pode ser usada também dentro da cozinha, com a garrafa pendurada em algum local perto da fruteira.

Inseticidas para eliminar a mosca da fruta

Se preferir poderá comprar inseticidas no mercado ao invés de recorrer às misturas caseiras que referimos previamente, podendo optar por alguns que são voltados para esta finalidade, como: Neudorff Inseticida-acaricida, Bio Inseticida Stop e Bayer AquaPy. Antes de utilizar qualquer um deles, é importante ler as orientações da embalagem para evitar danos às frutas.

Como evitar a mosca da fruta?

Como em muitas situações, a prevenção é a melhor medida a ser tomada. Por isso, para evitar que a mosca da fruta apareça, o ideal é não deixar que as frutas fiquem demasiado maduras.

Caso estejam a amadurecer e ainda não tenham sido consumidas, deverá guardar a fruta num local acessível (com papel vegetal ou papel de alumínio) ou mesmo no frigorífico. Para evitar o desperdício alimentar poderá cortar e congelar a fruta madura para depois ser utilizada numa qualquer receita. Uma dica importante é proceder à sua lavagem primeiro, evitando assim que seja guardada ainda com algum ovo de mosca da fruta.

Por fim, referir que não deve acumular lixo na cozinha!

Mariana Bueno

Brasileira, jornalista e escritora. Desde criança tem os livros como os seus grandes companheiros e, mais tarde, transformou a escrita em profissão. É formada em Comunicação e pós-graduada em Media Digitais. Gosta de transmitir informações por meio dos seus textos e adora ouvir e contar boas histórias, de preferência as que descobre ao viajar por diferentes lugares.