Sistema operativo: o que é e quais as diferenças entre cada um?

Atualmente é difícil encontrar alguém que não tenha um telemóvel, tablet ou mesmo um computador. Para além de instrumentos de trabalho, estes aparelhos são essenciais nas funções de lazer, como utilizar as redes sociais e aplicações de chat, como o WhatsApp.

No entanto, para funcionarem corretamente, estes aparelhos necessitam de um sistema operativo. Se não sabe do que se trata, então fique a saber que, de forma simples e simplista, um sistema operativo (em inglês: Operating System – OS) trata-se de um programa (software) cuja função é gerenciar os recursos do sistema, disponibilizando um interface para que cada um de nós possa utilizar o equipamento.

Embora seja algo tecnológico, não é propriamente um conceito difícil de entender. Neste artigo partilhamos algumas informações sobre os principais sistemas operativos existentes atualmente, explicando em maior detalhe no que consiste e para que servem.

O que é um sistema operativo?

Como já referido, o sistema operativo, também conhecido por sistema operacional, trata-se do software responsável pelo funcionamento de um computador ou de um smartphone. É a estrutura que permite que todos os programas e partes do computador funcionem e que o usuário possa interagir com a máquina, através de um interface intuitivo.

Ao ligar qualquer um dos aparelhos, o sistema operativo é carregado, passando a gerir os recursos do equipamento. Em traços simples, facilita a vida do utilizador, deixando a utilização do aparelho mais prática e também mais segura, dado ser o sistema operativo que “diz” ao computador, telemóvel ou tablet o que fazer.

Alguns exemplos das funções que um sistema operativo gerencia:

  • Recursos: o sistema precisa ter capacidade e memória suficientes para que todas as funções possam ser executadas de forma correta, sendo esta, muito provavelmente, uma das funções mais importantes dos sistemas operativos;
  • Memória: é o que garante que cada aplicação ou ação ocupe apenas a memória estritamente necessária para o seu funcionamento, de forma segura e deixando espaço para outras funções;
  • Arquivos: responsável pelo armazenamento da informação, já que a memória principal costuma ser limitada;
  • Dados: o controlo da entrada e saída de dados, para que a informação não se perca e tudo possa ser feito de forma segura;
  • Processos: faz uma transição entre uma tarefa e outra, de forma a que o utilizador consiga desempenhar/executar várias tarefas/aplicações ao mesmo tempo.

Estas funções do sistema operativo podem ser ativadas por meio de botões, de dispositivos como rato e o teclado em contato com a interface gráfica (aquilo que lhe aparece no ecrã), pelo toque direto na tela do ecrã (touchscreen), no caso dos smartphones e tablets, ou mesmo através de comandos de voz já disponíveis em alguns aparelhos e aplicações.

Regra geral, o sistema operativo já vem instalado por predefinição no aparelho. Por isso é importante que quem usa smartphones, tablets e computadores saiba um pouco mais sobre o assunto e conheça os principais sistemas operativos disponíveis. Falaremos mais sobre eles!

Sistema operativo de computadores

Regra geral, os sistemas operativos dos computadores (fixos ou portáteis) são mais complexos que os usados nos aparelhos móveis, como por exemplo nos tablets e nos telemóveis. Em seguida, abordamos mais pormenorizadamente os três principais.

  • Windows – Desenvolvido nos anos 80 pela Microsoft, é um dos sistemas operativos mais populares do mundo, sendo adotado por quase todas as grandes marcas de fabricantes de computadores em todo o mundo. Ganhou novas versões atualizadas ao longo do tempo (Windows 95, Windows 98, Windows XP, Windows Vista, Windows 7, Windows 8 e, uma das mais recentes, o Windows 10). É suficiente para quem precisa de um uso básico e funcional, seja para estudos ou trabalho, tendo uma interface bastante intuitiva.
  • macOS – Desenvolvido pela Apple, é o sistema operativo exclusivo dos computadores e notebooks da marca, chamados de Mac (Macintosh). É a par do Windows, o sistema operativo mais usado no mundo, recebendo atualizações e novas versões há décadas. Embora não esteja limitado a, é o sistema operativo mais usado pelos profissionais das artes, designadamente por quem trabalha com produção de vídeo, design gráfico ou áreas afins. 
  • Linux – É um sistema operativo mais utilizado em empresas, dado tratar-se de código aberto, o que significa que permite acesso completo ao código fonte (ao contrário dos sistemas operativos anteriores). É muito versátil, fácil de personalizar e considerado muito seguro. No entanto, é pouco comum nos computadores de uso doméstico ou pessoal.

Sistema operativo de telemóveis e tablets

Nos dispositivos móveis (como são exemplo os telemóveis e tablets) os sistemas operativos são mais simples e feitos especificamente para esse tipo de aparelhos. Embora existam outros, os principais são:

  • iOS – É o sistema operativo exclusivo dos smartphones e tablets da marca Apple e foi o primeiro sistema operativo para telemóveis a ser criado. É muito rápido, tem inúmeras opções de aplicações para serem descarregadas e uma interface simples, bonita e fácil de mexer.
  • Android – Trata-se do sistema operativo da grande maioria dos smartphones de diferentes marcas, garantindo, dessa forma, mais opções no que toca à escolha de um novo telemóvel, tanto em relação aos modelos, como também nos preços. Foi criado pelo Google e hoje é o sistema operativo mais utilizado no mundo.

Quais as diferenças entre sistemas operativos?

Os princípios básicos de funcionamento de cada sistema são semelhantes independente do sistema operativo, com alguns detalhes que devem ser levados em consideração dependendo do que cada pessoa procura ao adquirir um novo smartphone.

A diferença principal está na interface de cada (isto é, naquilo que lhe surge no ecrã) – ou seja, cada sistema operativo tem uma aparência própria. É normal que alguém que sempre usou Windows, sinta alguma dificuldade a habituar-se ao Mac e vice-versa. No entanto, nada que o tempo não resolva.

Embora seja possível atualizar ou mesmo trocar o sistema operativo, a maioria das pessoas acaba por não o fazer. Então o mais indicado é escolher qual o sistema operativo antes de comprar o aparelho e saber mais sobre o funcionamento de cada um.

Esperamos que o artigo tenha ajudado!

Mariana Bueno

Brasileira, jornalista e escritora. Desde criança tem os livros como os seus grandes companheiros e, mais tarde, transformou a escrita em profissão. É formada em Comunicação e pós-graduada em Media Digitais. Gosta de transmitir informações por meio dos seus textos e adora ouvir e contar boas histórias, de preferência as que descobre ao viajar por diferentes lugares.