Psicologia das cores: qual o significado de cada cor?

Sabia que as cores possuem diferentes significados? Cada cor transmite uma sensação diferente ao nosso cérebro e é precisamente isso que abordamos neste artigo.

As cores possuem uma forte relação com os nossos sentimentos. Esta associação entre ambos não é apenas uma questão de mero gosto ou de preferência, mas sim experiências universais estabelecidas na linguagem e no pensamento.

Neste artigo vamos conhecer os efeitos que cada cor nos pode transmitir, bem como para que finalidades poderão ser utilizadas. Interessa-lhe o tema? Então, acompanhe e descubra no que consiste a psicologia das cores.

O que é a psicologia das cores?

A psicologia das cores consiste no estudo que revela a forma como o nosso cérebro identifica e compreende as cores nas suas diferentes formas, influenciando as nossas relações, emoções e desejos.

É através da psicologia das cores que podemos perceber as diversas interpretações dadas às cores nas suas mais diversas formas e aplicações, como por exemplo na publicidade, na arquitetura, no design e até na moda.

Desta forma, podemos dizer que a psicologia das cores estuda e define quais os efeitos de cada cor e quais os sentimentos e sensações que transmitem.

Em que consiste a colorimetria?

Se alguém lhe perguntasse qual a ciência que estuda as cores, saberia responder? A colorimetria é responsável pelo estudo científico das cores, dos seus tons, saturação e intensidade.

Antes de mais, é importante explicar que as cores possuem classificações: cores primárias, cores secundárias e cores análogas.

CoresEm que consistem?
PrimáriasTambém conhecidas como cores puras, são as bases para a formação de outras tonalidades. Incluem o vermelho, amarelo e o azul.
SecundáriasComo o próprio nome sugere, são o resultado obtido da mistura das cores primárias, dando lugar ao laranja, roxo e verde.
AnálogasTambém designada por cores terciárias, tratam-se de uma mistura dos tons secundários com os primários.

Qual a importância do significado das cores?

Não é de hoje que as cores influenciam as nossas escolhas. Como já referimos, segundo a psicologia das cores, cada tom passa-nos sensações, emoções ou sentimentos diferentes, instigando-nos, muitas vezes, a fazer uma determinada escolha ou ação, como veremos mais adiante.

Os primeiros estudos sobre as cores datam do ano de 1666, quando Isaac Newton descobriu que a luz branca, ao ser passada por um prisma, dividia-se em várias cores. Anos depois descobriu-se que a mistura e as suas combinações resultavam em outras cores.

Porém, foi o cientista alemão Johann Wolfgang Von Goethe que desenvolveu a teoria da cor. Segundo este, a cor não depende apenas da luz e do ambiente, mas também da perceção que temos do objeto. Para ele, a perceção dos tons é algo subjetivo, depende de cada pessoa, embora os efeitos das cores tenham consequências universais.

Qual o significado segundo a psicologia das cores?

Como já referimos, segundo a psicologia das cores cada tom tem um “significado” diferente. Em seguida, abordamos o significado de alguns das principais cores, de acordo com a psicologia das cores, nomeadamente: vermelho, amarelo, azul, verde, laranja, roxo, violeta, rosa, branco, preto, castanho e cinza.

1. Vermelho

Muito usada no marketing e no design, a cor vermelha é uma cor quente que pode significar paixão ou fome. É notável a presença desta cor em grandes campanhas de marketing. Grandes multinacionais do setor alimentar possuem o vermelho na sua marca. Além disso, esta tonalidade, por ser considerada uma cor quente, estimula a ação e a velocidade, prendendo a atenção dos destinatários.

O vermelho transmite paixão, fome, desejo, força, calor, amor, perigo, guerra e violência.

2. Amarelo

O amarelo pertence à categoria das cores quentes. É uma cor que estimula o apetite, sendo um dos tons de destaque usados por grandes marcas de fast food. Além do apetite, o amarelo estimula o lado intelectual, o nosso conhecimento, a nossa alegria e a disposição.

O amarelo transmite otimismo, energia, animação, imaginação, sinalização, servindo como alerta para algo prestes a acontecer.

3. Azul

Pertencendo à categoria das cores frias, o azul transmite uma sensação de poder e confiança. Tem como característica a estimular o pensamento criativo e transmitir uma sensação de sucesso e de conquista. Muitos ambientes corporativos utilizam esta cor para transmitir confiança na marca e confiança aos seus clientes e colaboradores.

Para além disso, o azul transmite tranquilidade, segurança, sobriedade, higiene, limpeza, fé, estabilidade e lealdade.

4. Verde

Além da referência à natureza, o verde traz uma sensação de equilíbrio, saúde e frescura. Geralmente é utilizado em hospitais, clínicas e centros de saúde para transmitir paz, calma e relaxar os seus utilizadores. No mundo dos negócios, o verde é capaz de passar uma sensação de coerência, sendo muito utilizado em lojas e em ambientes onde são habitualmente realizados negócios e acordos comerciais com clientes.

O verde transmite calma, segurança, meio ambiente, vigor e autoconsciência.

5. Laranja

Trata-se de uma cor vibrante. O laranja possui características alegres e estimulantes. Muito usada no marketing, essa cor significa alegria, criatividade e auxilia na atração de clientes. Por ser uma cor derivada do vermelho, o laranja desperta o ânimo, sendo ideal para campanhas e anúncios online, uma vez que incentiva o usuário a realizar uma ação, uma compra ou mesmo um clique.

O laranja transmite ação, calor, entusiasmo, extravagância, espírito jovem e humor.

6. Roxo

O roxo, assim como o laranja, é capaz de estimular a imaginação e a criatividade. Historicamente é conhecido como a cor da realeza/nobreza, por esse motivo inspira sabedoria e respeito. É muito usado por pessoas quando fazem menção à espiritualidade, religião, misticismo e questões abstratas.

O roxo transmite calma, nobreza, conhecimento, luto, poder, respeito, mistério, cerimônia e espiritualidade.

7. Rosa

Característico do universo feminino, a cor rosa simboliza romantismo e delicadeza. Os tons mais fortes da cor rosa podem ser vistos em lojas de roupas jovens ou lojas de doces. A cor rosa num tom mais suave, assim como o azul, transmite inocência e proteção, sendo comum em estabelecimentos de artigos infantis ou loja para bebês.

A cor rosa transmite inocência, felicidade, charme, brincadeira, delicadeza e feminidade.

8. Branco

Conhecido como a “cor pura”, o branco é uma das cores neutras do círculo cromático. Desperta nas pessoas a sensação de pureza, tranquilidade, paz e organização. Esta cor é poderosa para nos acalmar, permitindo pensamentos e sensações de harmonia, equilíbrio e bem-estar. Não é à toa que os profissionais de saúde usam a cor branca para transmitir calma e tranquilidade aos seus pacientes.

O branco transmite-nos proteção, pureza, paz, calmaria, tranquilidade, casamento (cultura ocidental), morte (cultura ocidental) e simplicidade.

9. Preto

O preto é uma das cores preferidas no universo da moda, sendo frequentemente associado à elegância e ao poder. Assim como o roxo, o preto simboliza mistério e luto. Além disso, por ser uma cor neutra, é considerada um tom impessoal, transmitindo ideias como modernidade e sofisticação.

O preto transmite poder, formalidade, anonimato, masculinidade, tristeza, raiva, curiosidade, memória emocional, mistério e elegância.

10. Castanho

O castanho é recomendado quando queremos transparecer sofisticação e seriedade. Além disso, esta cor é muito usada em embalagens de produtos orgânicos ou naturais, pois o castanho mantém uma forte relação com a natureza. Muito usado em pisos, móveis e em lojas por designers de interiores, esta cor remete a sensação de confiança no ambiente. No universo corporativo, a cor reforça a sensação de organização e comprometimento.

O castanho transmite confiabilidade, conforto, terra, natureza, ar livre, organização e resistência.

11. Cinza

O cinza é outra cor neutra, resultado da mistura do preto e do branco. Esta cor é muito usada em ambientes corporativos e tecnológicos, já que transmite a sensação de modernidade, solidez e formalidade.

A cor cinza transmite equilíbrio, sensatez, autocontrole, estilo, modernidade, profissionalismo e conhecimento.

Agora que conhece a psicologia das cores, os seus significados e as suas aplicações, poderá escolher a cor que mais combina com a ideia que quer transmitir e atingir os seus objetivos!  

A redação do trabalhador.pt