Colchão viscoelástico: quais as vantagens?

A qualidade de vida está intrinsecamente ligada à qualidade de vida. Quem dorme bem durante a noite tem mais probabilidades de acordar bem disposto e de conseguir bons níveis de produtividade no trabalho ou nos estudos. Mas as verdade é que nem todas têm um sono restaurador, e os motivos podem ser vários. Não obstante, uma coisa que pode contribuir é a qualidade do colchão.

Entre os modelos mais procuradores está o colchão viscoelástico. Em grande medida, o que os difere dos restantes é o seu interior, feito de uma material designado por poliuretano, mas também conhecido por espuma viscoelástica. Uma das grandes vantagens deste material é o facto de se conseguir moldar ao corpo.

No entanto, o colchão viscoelástico ainda é ainda um produto que gera algumas dúvidas, principalmente no que concerne aos seus benefícios e aos cuidados necessários na sua manutenção. Tendo isso em consideração, redigimos o presente artigo onde iremos procurar dar resposta a essas e outras questões. Boa leitura!

O que é um colchão viscoelástico?

A espuma viscoelástica foi desenvolvida em 1966 pela NASA (agência espacial norte-americana) para ser usada nos fatos dos astronautas, embora a sua utilização não tenha ficado por aqui. Na década de 1980 este material começou a ser usado em cadeiras de rodas, capacetes de desportivas, almofadas e em colchões. Em função da sua crescente popularidade foi sendo melhorada, até chegar ao material que conhecemos hoje.

De forma resumida, pode-se dizer que o colchão viscoelástico é um colchão que pese embora seja muito macio, tem uma densidade própria, de modo a conseguir absorver o peso do corporal e voltar à forma original depois de usado, sem que haja nenhuma deformação.

Ao deitar-se num colhão viscoelástico verificará que as zonas que suportam as áreas mais pesadas do corpo cedem um pouco, enquanto que, nas zonas de menor peso corporal, o colchão mantém-se resistente. Isto faz com que o peso do corpo seja distribuído de maneira uniforme, garantindo uma melhor sustentação do corpo quando comparado com os colchões ditos convencionais.

Como o colchão viscoelástico acompanha a curvatura natural da coluna, consegue proporcionar um descanso mais tranquilo. Isto fez com que se tornasse um dos melhores modelos de colchões.

Quais as vantagens de um colchão viscoelástico?

O colchão viscoelástico é o mais moderno e mais “tecnológico”. Por isso são vários os benefícios face aos colchões convencionais. Entre as principais vantagens, destacamos:

  • Ajuda a evitar os pontos de pressão, nos quais o peso corporal pode causar dores, como os ombros, a coluna e os quadris;
  • Possui características hipoalergénicas e retém menos humidade, sendo ideal para quem sofre de alergias respiratórias;
  • É sensível à temperatura corporal e, portanto, não aquecem nem arrefece em demasia;
  • Não causa danos à coluna;
  • Para os casais que dividem a cama, é particularmente benéfico visto amortecer os movimentos dos dois lados, sem que um incomode o outro.

O que saber antes de comprar?

Assim como qualquer compra, antes de comprar um colchão viscoelástico é importante ter em atenção alguns pontos. O principal é porventura a densidade, para que não seja nem muito duro e nem muito macio. Como cada pessoa tem uma altura e um peso diferentes, a densidade deverá variar.

A tabela infra poderá ser usada como referência:

DensidadeIndicado
D20Berços e camas infantis
D23Pessoas com até 1,80 m e até 50 kg
D26Pessoas com até 1,80 m e até 60 kg
D28Pessoas entre 1,80 e 1,91 m e até 70 kg
D33Pessoas com mais de 1,90 m e até 100 kg
D45 ou superiorPessoas com mais de 1,90 m e mais de 100 kg

Uma dica importante é fazer um teste no colchão viscoelástico antes de o comprar. Algumas lojas permitem que isso seja feito e possuem colchões que ficam expostos exatamente com esta finalidade. Não basta apertar o colchão com as mãos, o ideal é mesmo deitar-se em diferentes posições para perceber como se sente.

O preço de um colchão viscoelástico também deve ser levado em conta, mas é algo que poderá depender do tamanho escolhido (infantil, solteiro, casal, kingsize, entre outros). A densidade é outro fator que interfere, pois, quanto maior, mais caro tenderá a ser. Regra geral, os preços andam entre os 240€ e os 500€.

O colchão viscoelástico necessita de manutenção?

Sim. Todavia não há nenhum tipo de cuidado específico para os colchões viscoelásticos. Deverá ter os mesmos que tem com qualquer outro colchão. Entre as principais recomendações estão:

  • Ambientar o quarto todos os dias;
  • Abrir a roupa de cama todas as manhãs para que o colchão respire;
  • Virar o colchão de lado a cada três meses para não criar áreas deformadas;
  • Usar um aspirador para eliminar resíduos e sujidade acumulada;
  • Não sobrecarregar o colchão nem saltar em cima deste;
  • Ler a etiqueta antes de usar e seguir todas as recomendações do fabricante.

Além de todos os pontos positivos, vale lembrar que um colchão viscoelástico é o que tem maior durabilidade, podendo chegar até 10 anos, desde que bem cuidado!

Mariana Bueno

Brasileira, jornalista e escritora. Desde criança tem os livros como os seus grandes companheiros e, mais tarde, transformou a escrita em profissão. É formada em Comunicação e pós-graduada em Media Digitais. Gosta de transmitir informações por meio dos seus textos e adora ouvir e contar boas histórias, de preferência as que descobre ao viajar por diferentes lugares.